Uma carta aberta para os editores e diretores de filmes de ação

Simon Brew, um cinéfilo norte-americano, começou uma campanha pelo retorno dos filmes de ação onde você realmente consegue ver o que está acontecendo.

Aqui está a tradução livre de sua carta:

Olá,

Eu sou apenas um espectador. Eu junto meu dinheiro, vejo filmes, compro DVDs, e então eu fico falando sobre eles até meus amigos decidirem que é hora de sairem e achar novos amigos.

E eu acredito apaixonadamente que há poucos prazeres relaxantes na vida que se comparam a um bom, sólido filme de ação.

Durante minha vida, eu fui mimado por uma abundância de filmes de ação que eu assisto, reassisto e assisto de novo. Duro de Matar, Aliens, Mandando Bala, Con Air, Armageddon, Adrenalina, Tropas Estrelares, Trilogia Bourne, Missão: Impossível, Cassino Royale – Eu poderia, literalmente nomear filmes até a eternidade. Pergunte para os meus ex-amigos.

Entretanto, recentemente, uma tendência vem crescendo, que me parece, um pouco de loucura na edição dos filmes.

Eu notei isso primeiramente, ou mais obviamente, no filme Transformers, do Michael Bay (e eu digo isso como alguém que gosta de muitos de seus filmes). Este foi talvez o primeiro filme que eu já vi que me fez sentir velho. Por que enquanto os efeitos eram incríveis, a construção era boa e ver máquinas gigantes quebrando o pau entre si é algo encantador, chegou num ponto onde eu não tinha idéia do que estava acontecendo. É real: nenhuma!

De tão rápida que era a montagem, e tão próximos os planos, que por grande parte do tempo eu me senti vendo flashes de cores passando, como se eu estivesse submetido uma experiência glorificada de teste de visão. Eu entendo que teorias de edição de filmes frequentemente aponta algo como “quando foi a última vez que você viu um filme que era tão rápido?”, mas se alguém está perguntando essa questão, eu gostaria de levantar minha mão agora mesmo.

Não me entenda mal: edição de filme exige grande habilidade e filmes de ação tem sempre utilizado de cortes rápidos para expressar a energia e o momento. Eu não tenho problemas com isso. Eu não estou sendo um reclamão também, desses que gostam de dizer como eram os filmes dos bons velhos tempos. Cinema de ação evolui e segue adiante e tivemos grandes lucros com essa evolução recentemente.

Eu também entendo que às vezes o efeito de corte muito, muito rápido pode trazer, sucessivamente a idéia de uma briga rápida e brutal, como em Batman Begins e a Trilogia Bourne. Esses filmes, para mim, trazem a noção de que que você não deve ver tudo que está acontecendo porque eles são lutadores rápidos, brutais e nervosos. Mas pelo menos eles nos dão uma pista e uma idéia do que está acontecendo. Há o equilíbrio entre cortes rápidos e planos fechados te tratando como a audiência merece.

E então eu me deparo com algo como “Quantum of Solace” (um filme que quer tanto ser uma sequencia de Bourne que ta ficando ridículo, mas isso é assunto pra outra conversa). A sequência inicial de Quantum é tão ridicularmente rápida, sem justificativa aparente, que de novo, eu me senti como se não devesse (ou não pudesse) entender o que estava acontecendo. Não é o único exemplo recente. Um crítico de Carga Explosiva 3 notou a decisão de “editar as lutas para uma confusão incompreensível de luzes e efeitos sonoros”. Eu não vi Carga Explosiva 3, mas como um devoto de filmes de ação, eu entendo de onde ele tirou isso.

Então se isso, então, é a mais nova tendência dos filems de ação de Hollywood, posso agora pedir por favor para isso parar, em favor de dar ao espectador uma chance de ver o que está acontecendo?

Não há nada de errado não ser um filme do Bourne, e é absolutamente normal acreditar que você não tem que bombardear a audiência repetidamente para empurrar a mensagem que seu filme é rápido e furioso. Eu reassisti Duro de Matar recentemente e enquanto ele corta rápido, a excitação da sua ação está logo ali na frente da lente da câmera, e o corte preciso nos dá ampla oportunidade de curtir tudo. Isso sem nunca o filme perder controle ou energia.

Eu escrevo isso como um grande fã de cinema de ação e eu vou continuar a ser. E mais, eu vou continuar a juntar meu dinheiro e sem dúvida comprar outras cópias de muitos de meus filmes de ação favoritos quando chegarem em alta definição. E vou ansiosamente ver os trailers do próximos extravagantes filmes de ação ali esquina.

Eu apenas peço para as pessoas que fazem filmes, que vocês façam uma coisa por mim: POR FAVOR, ME DÊEM PELO MENOS UMA CHANCE DE VER O QUE ESTÁ ACONTENCEDO!
Muito obrigado pelo seu tempo.

Sinceramente,

Simon Brew

————————————-

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: