15 Diretores (MEME)

Vi num blog um meme que lista 15 diretores de cinema. Não 14. Nem 16. 17 está fora de cogitação. 15 é o número. E 15 será.

15 diretores que definiram sua forma de ver filmes e seu gosto cinematográfico.

E como a lista do rapaz lá é bem pouco inspiradora, resolvi fazer a minha (em ordem mais ou menos cronológica).

Vai lá.

1 – STEVEN SPIELBERG

O primeiro filme que vi no cinema foi E.T.. Por causa dele não tive medo de alienígenas (hoje eu simplesmente não me importo), quis ser arqueólogo e resolvi fazer cinema também.

2 – JOHN MCTIERNAN

Meu pai me levava para ver filmes de ação acéfala quando criança, o que foi positivo para a minha anestesia em relação a violência e morte. E ninguém mais criativo que o diretor de Duro de Matar e Predador para inspirar uma infância de brincadeiras sem frescuras.

3 – JOHN WOO

O absurdo faz escola. As coreografias de ação parecem um balé. A sensibilidade, com movimentos precisos e violentos. Faz da violência um colírio. Fora que Fervura Máxima praticamente inventou o videogame de tiro em primeira pessoa.

4 – MARTIN SCORSESE

Quando vi Os Bons Companheiros e sua violência crua, tive que repensar meu gosto por sangue, tiros e pancadaria. A glamorização da violência no cinema evaporou para mim. Agora a elegância na direção de câmera, os diálogos inspirados e realismo visceral passaram a ser meu padrão de qualidade.

5 – COEN BROTHERS

Já repararam que todos os filmes deles tem morte? E invariavelmente de forma seca e irônica. Descobri neles o meu senso de humor exposto na película. Todos os filmes deles eu gostaria de ter feito. Em especial O Grande Lebowski e E aí, irmão, cadê você?.

6 – AKIRA KUROSAWA

O maior enquadrador da história do cinema. O melhor filmador de chuva do universo. O homem que mais conseguiu expressar em filmes histórias lindas e visualmente fantásticas que são acima de tudo digeríveis tanto para os orientais quanto para os ocidentais. Se você assistiu Viver e não chorou, então tens problema glandulares. Não importa de que parte do mundo seja.

7 – STANLEY KUBRICK

A única unanimidade no cinema. Essa não é burra, não, Nelson. O diretor mais perfeccionista e controlador que já existiu. Bom, pelo menos que fez bons filmes. Transitou em todos os gêneros, mas sempre com um clima pesado, existencialista, quase pessimista. Realizou o que por mais tempo foi meu filme favorito, Dr. Fantástico.

8 – WOODY ALLEN

Não sou judeu, não sou neurótico, nunca pisei em Nova Iorque, não sou hipocondríaco. E mesmo assim é incrível a minha identificação com todos os filmes dele. Muito claro pelo senso de humor absurdo porém inteligente e a direção minimalista que quando executada despretensiosamente me agrada bastante. E Zelig é um dos filmes que mais me influenciaram academicamente.

9 – CHAN-WOOK PARK

Oldboy estourou meus miolos como a muito tempo um filme não fazia. Fui seduzido por sua obra toda e agora não consigo mais dormir em paz. Ainda bem. A inquietude move montanhas. Ou pelo menos faz bons filmes.

10 – EMIR KUSTURICA

Vi o Underground – Mentiras da Guerra há uns 8 anos atrás e fiquei impressionado com o vigor do filme, o senso de humor e a sensibilidade onírica. Senti-me vendo um filme do Fellini anabolizado, editado pelo Oliver Stone e interpretado pelo pessoal do Monty Python. Pena que ele não manteve o pique de filmes bon, mas a energia que ele transmite com seu cinema é inspirador.

11 – KIM KI DUK

Mais um sul coreano na minha lista. Assisti uns 6 filmes do Duk, começando com o impressionante Casa Vazia. Seus filmes me fazem pensar horrores e sem chegar a lugar nenhum. Confesso que não entendi nenhum deles. E aprendi que entender não é pré-requisito para se apaixonar.

12 – DAVID LYNCH

Falando em não entender…

13 – JORGE FURTADO

Sim, ele é pop, global, despretensioso, raso às vezes. Mas como não sou paulista, nem carioca e nem nordestino, o gaúcho é o cineasta brasileiro que mais faz eu, catarinense, me ver na tela, ao contrário de quase todos os outros cineastas e filmes nacionais. E convenhamos, Saneamento Básico – o Filme e Ilha das Flores são obras-primas.

Ai, caramba. Tá acabando a lista já… Não vai dar espaço pra todos…

14 – PEDRO ALMODOVAR

Grande Pedriño. Fez o universo feminino ser mais palpável para mim e me deixou confortável com seres do submundo que se fossem brothers de longa data. E intertextualidade quando bem utilizada como em seus filmes só eleva o poder transcedental do cinema.

15 – QUENTIN TARANTINO

Modafoca mór do cinema. Enfant Terrible. Culhudo. Tão apaixonado por filmes que transmite para o espectador. Fez pela cultura pop o que Goddard fez pela cultura edudita no cinema. Recicla sem vergonha e cria arte sem pretensão. Gênio.

Agora as menções honrosas para eu poder dormir em paz com meus fantasmas.

Georges Meliés, Charles Chaplin, Luis Buñuel, Fritz Lang, Vittorio DeSica, Federico Fellini, François Truffaut, Francis Ford Coppola, Oliver Stone, Ridley Scott, Jim Jarmush, Spike Jonze, Michel Gondry, James Cameron, Richard Donner, Clint Eastwood, Barry Levinson, Mel Brooks, Zucker Brothers, Sergio Leone, Blake Edwards, Wong Kar Wai, Ang Lee, Hayao Myasaki, John Lasseter, Spike Lee, Milos Forman, Wim Wenders, Orson Welles, Christopher Guest, Walter Salles, Judd Apatow, Peter Jackson, Peter Weir, Wes Anderson, Paul Thomas Anderson, Edgar Wright, Alfred Hitchcock.

Ótimo. Faço uma lista de 15 e deixo 40 de fora.
Não é fácil essa vida de listeiro cinéfilo.

  1. Sabe, sua lista me surpreendeu: adorei ver Emir Kusturica na oficial, e não na menção honrosa.🙂

  2. Pois é, ele quase foi pra honrosa, mas quando lembrei dele meu corpo se chacoalhou todo, o que é recorrente quando lembre de seus filmes. Então tive que deixar.

    E cada 12 horas lembro de mais um😛. Fazer lista é que nem fazer filmes. Não se termina. Abandona.

    Beijo

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: